Open Source Sofware

Ciclista

Área de Proteção à Prática do Ciclismo continua suspensa devido à pandemia do coronavírus




02.04.20 18:35


O funcionamento da Área de Proteção para a Prática do Ciclismo (APPC) continuará interrompido até o dia 17 de abril, conforme decreto publicado nesta quarta-feira (1°) pela Prefeitura de Aracaju. A suspensão do projeto integra uma série de medidas tomadas pela administração pública municipal para estimular o isolamento social e conter a propagação do novo coronavírus.

A Superintendência Municipal de Transportes e Trânsito (SMTT) é a responsável pelo bloqueio da avenida Santos Dumont para a execução do projeto. Segundo o superintendente, Renato Telles, a decisão da Prefeitura está em sintonia com as recomendações da Organização Mundial da Saúde (OMS) em meio à pandemia da covid-19.

 
“É mais uma forma de evitar aglomerações e estimular que as pessoas não saiam de casa para que seja possível reduzir a velocidade de circulação do novo coronavírus em nossa cidade”, explicou. 

Sobre o projeto

A Área de Proteção para a Prática do Ciclismo foi instituída em setembro de 2017 e é coordenada pela SMTT, em parceria com a Secretaria Municipal da Juventude e do Esporte (Sejesp).

 
O projeto consiste no fechamento dos dois sentidos da avenida Santos Dumont, na Orla da Atalaia, totalizando 2,5km. Funciona das 4h30 às 6h30, nas terças e quintas-feiras; e das 5h às 10h, aos sábados.

O objetivo do projeto é oferecer segurança para a prática do ciclismo, mas também proporciona um espaço adequado para outras atividades, como caminhada, corrida ou até um passeio matinal para aproveitar a Orla.

Outras medidas de enfrentamento

Entre as determinações do decreto desta quarta-feira, 1º, estão a prorrogação da suspensão das atividades educacionais nas escolas e universidades das redes municipal e particular de ensino da capital sergipana, assim como também nos shoppings centers, cinema, teatro, academias, clubes, boates, casa de shows e comércio em geral. Bares, restaurantes, lanchonetes e afins, deverão continuar funcionando apenas no sistema delivery. As medidas visam manter a restrição da circulação de pessoas na cidade para evitar a transmissão do vírus. 




 

telefones-home620

banner-fala-cidadao3